Vantagem Comparativa Revelada da Agroindústria Nacional no Período 2003-2014

Adriana G. Fabrini Diniz

Resumo


Este artigo busca calcular e analisar o índice de Vantagem Comparativa Revelada Simétrica dos principais bens agropecuários exportados pelo Brasil. Trata-se de um estudo quantitativo longitudinal quanto aos seus objetivos, cujos dados foram coletados eletronicamente da home page da Food and Agriculture Organization bem como do Ministério da Indústria, Desenvolvimento e Comércio Exterior, no período de 2003 a 2014. Os resultados calculados apontam para uma vantagem comparativa bastante elevada de bens como soja, açúcar, suco de laranja e carne de frango; complementarmente o milho e o algodão apresentam índices moderados. No outro extremo, os materiais básicos e alimentos preparados não apresentaram vantagem comparativa, ou seu valor foi negativo.

Palavras-chave


Vantagem Comparativa Revelada. Exportação. Agronegócios.

Texto completo: PDF/A

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 .

R. Paranaense Desenv. Instituto Paranaense de Desenvolvimento Econômico e Social, Curitiba, PR, Brasil, ISSN 2236-5567 (online) e ISSN 0556-6916 (impresso) - revista@ipardes.pr.gov.br

Indexada em:

Dialnet